quarta-feira, 17 de março de 2010

Protetor solar

Oi girls, td bem?
'Será que tem algum “boy” que lê?
Se tiver, sorry! É que deduzo que não tem...rs (acho que não seria mto interessante para a ala masculina, mas enfim...rs).

Bati a cabeça procurando protetor solar pro rosto.
Minha pele é MUITO oleosa, então tudo tem que ser oil free. Só que muitas vezes está escrito “oil free” e a pele fica toda engordurada, melada, grudando.
Então, vou citar alguns produtos que usei, e minha humilde opinião qut à eles, ok?

Episol:
Usei o Episol e não gostei. Ficou melado, tem cheiro de álcool, fica um aspecto de plástico, grudando. O preço é bom pq o frasco é grande.

Anthelios 40, La Roche Posay

É muito bom! Seca na hora, não fica nem rastro de creme, e tem um cheirinho quase imperceptível, mas é bom.
Acho caro, custa cerca de R$ 55,00 / R$ 60,00 por 50ml. Mas como é só no rosto, então até que dura. Mas vi numa matéria (abaixo) que ele não passou no teste de fotoinstabilidade. Então, pelo preço, não deveria ser reprovado em nada.

L´oreal (bloqueador 50)


Aí quis ser espertinha e comprei o da L´oreal. Na embalagem diz que é bloqueador 50, com colágeno (amo essa palavra), evita rugas (tb amo essa frase), para rosto e corpo e oil free.
O cheiro é bom, o preço tb, paguei R$ 28,00. O frasco é grande (dessa parte eu gostei MUITO!!!).
Mas quando passo, brilho mais que glíter. Fica super melado, um grude!
Vai ficar pra usar no corpo...

(com todo esse gasto acho que já ta dando pra comprar um carro zero...rs)

Semana passada fui na dermato. Ela disse que o Minesol, da Roc, é melhor que o Anthelios. Ela me deu uma amostrinha (tb amo), e realmente a pele fica sequinha. O cheiro não é bom, mas não fica na pele, some rapidinho.
Num próximo post falarei sobre os outros cremes que ela me indicou.

Aqui a matéria do Pró Teste que comentei:

01/12/2009 - 11h44

Pro Teste reprova oito entre dez protetores solares FPS 30

Do UOL Ciência e Saúde*

Apenas dois entre dez protetores solares FPS 30 em loção avaliados pela Pro Teste Associação de Consumidores comprovaram eficiência na proteção solar. E apenas três não apresentaram na composição o benzophenone-3, um ingrediente que já é proibido em outros países, por ser potencialmente cancerígeno.
Quatro dos protetores têm baixa proteção UVA (cujos raios atingem as camadas mais profundas da pele, causando envelhecimento precoce), mas a legislação brasileira não exige um mínimo. E cinco deles não são resistentes à luz e ao calor, perdendo a eficiência.
Apenas dois entre dez protetores solares FPS 30 em loção avaliados pela Pro Teste comprovaram eficiência na proteção solar

FILTRO SÓ GARANTE PROTEÇÃO SE APLICADO NA QUANTIDADE CERTA
UOL CIÊNCIA E SAÚDE
 
É o que mostra a análise publicada na revista Pro Teste de dezembro e disponibilizada no site da entidade: www.proteste.org.br. O teste envolveu análise de rotulagem, composição, irritabilidade, hidratação, proteção, resistência a exposição solar, e teste em uso.
A associação reivindica que seja proibido o uso da substância benzophenone-3 na composição dos produtos, ingrediente proibido em outros países, por apresentar esterogenicidade, entrar na circulação sanguínea e ser potencialmente cancerígeno.
Também está pedindo à Agência Nacional de Vigilância Sanitária (Anvisa) passe a exigir o fator UVA de no mínimo um terço do FPS do produto, assim como ocorre na Europa, e que esta informação conste no rótulo. Assim como sejam obrigatórios testes de fotoestabilidade para verificar se eles são estáveis nas condições reais de uso, durante a exposição solar.
O FPS é responsável por bloquear os raios UVB, que são mais fortes entre 10 horas e 16 horas, período não recomendado para exposição prolongada ao sol. São os principais responsáveis por câncer de pele, queimaduras e vermelhidão.
Resultados

Os protetores L'Oréal Solar Expertise e o Cenoura & Bronze foram os que se saíram melhor na avaliação de eficiência do filtro solar.
No teste de fotoinstabilidade, o FPS dos produtos foi medido antes e depois da exposição a uma temperatura de 40ºC. As marcas Avon, La Roche-Posay, Nivea, Banana Boat e Sundown foram reprovadas.
Alguns produtos, como o da Nívea, perderam 50% do seu FPS. Todos os protetores analisados são de fator 30. Após uma hora de uso, eles caíam para FPS 15. O segundo pior foi o La Roche Posay, que manteve só 62% de sua proteção indicada no rótulo. Isso não quer dizer que os produtos não oferecem proteção aos raios UVB, e sim que têm pouca resistência à luz e ao calor, segundo a associação. Além de instável à exposição solar, o Coppertone declarou um fator de proteção (30), maior do que o medido (25).
Todos as embalagens mencionavam resistência à água, mas após imersão de meia hora, a proteção do produto da Natura caiu para 30% do FPS inicial, por exemplo. O Sundown caiu para 55%.
A presença de substâncias bloqueadoras dos raios UVA - que têm incidência constante durante o dia todo - é indicada nos rótulos dos 10 produtos. Mas só três embalagens mostram o grau de proteção: Cenoura & Bronze, L"Oréal Solar Expertise e Natura Fotoequilibrio. Não há regulamentação no Brasil que obrigue a presença de substâncias bloqueadoras dos raios UVA, segundo a Agência Nacional de Vigilância Sanitária (Anvisa).
Os produtos que não apresentaram na composição o benzophenone-3, ingrediente que segundo a associação já é proibido em outros países, foram o L'Oréal Solar Expertise, o Cenoura & Bronze e o Hélioblock da La Roche-Posay.

Defesa

As oito marcas de protetor solar avaliadas pela Pro Teste discordaram do resultado da pesquisa e informaram que seus produtos foram submetidos a testes científicos, aprovados pela Agência Nacional de Vigilância Sanitária (Anvisa) e liberados para o comércio. Todas as empresas afirmaram que não tinham conhecimento do estudo. A L"Oréal Brasil, que representa a La Roche-Posay disse que desconhece qual "a instituição que realizou os testes" e os critérios utilizados.
A Nivea Brasil, fabricante do Nivea Sun Loção Solar Protetora informou que, como não teve acesso ao estudo, "não pode avaliar, em profundidade, detalhes sobre a metodologia e resultado do mesmo". Destacou ainda que todos os produtos da empresa são desenvolvidos sob protocolos globais de qualidade e que a loção solar protetora FPS 30 atende às exigências dos órgãos regulamentadores.
A assessoria de imprensa da Johnson & Johnson, que representa a marca Sundown, divulgou que só tomou conhecimento da análise da Pro Teste na tarde de ontem. A empresa ainda afirma que "estranha os métodos utilizados" e que usa, na formulação do protetor, uma combinação de filtros que garante a proteção UVA/UVB.
A Natura, que teve seu produto avaliado como ruim na proteção aos raios UVA, afirmou que a análise da Pro Teste difere da adotada pela Natura. E que tecnicamente não é possível compará-los, "pois fazem uso de metodologias e controles diferentes". O Estado não localizou o representante da Sun Pharmaceuticals, fabricante da marca Banana Boat. Valdir Oliveira, gerente de vendas da Arcom S/A, importadora oficial do Banana Boat Bloqueador Solar Ultra, afirmou que neste ano a empresa não comprou a linha analisada.
A Mantecorp, fabricante do Episol Loção Oil Free e do Coppertone, disse que seus produtos seguem padrões de qualidade nacionais e internacionais. a Avon, do produto Avon Sun, divulgou que a Anvisa não obriga "mencionar na rotulagem a indicação do fator de proteção UVA".


Com informações da Agência Estado/O Estado de S.Paulo

5 comentários:

Romeyka Aguiar disse...

oie

eu uso este ROC

muito bom e foi indicado pela

esteticista

beijosssssss

Patrícia Magrinha (louca por uma boa forma) disse...

aii..eu tbm sofro com a oleosidade...meu rosto brilha, a maquiagem escorre..qd eu passo o dedo ele sai brilhando e fica lisinho...parece q eu passei a mão no óleo de cozinha mesmo...qd eu passo um lencinho de papel (fica parecendo o guardanapo de batata frita)..q horror...eu odeio essa oleosidade mas dizem q a pele oleosa é + protegida, né...menos mal.....eu uso protetor facial da avon...mas ele não é oil free...eu já usei oil free e não adiantou nada..daí eu fco usando lencinho durante o dia pra tirar a oleosidade

Nani disse...

Preciso tomar vergonha na cara e deixar de preguiça de passar o protetor. Afinal, mesmo trabalhando indoor estamos sujeitos aos raios nocivos emitidos pelas lâmpadas...

Bjo Lu!

Cris disse...

Olá Lu, eu também tenho problemas de oleosidade no rosto e tenho que usar protetor, pois meu pai já teve cancer de pele 3 vezes! Depois de muito sofrer, encontrei um muito bom: o normalize, da ada tina, uma marca italiana e diz que protege por 12 horas! Pelo menos a minha pele ficou sequinha, mas também é um pouco caro! O Neutrogena, que diz ter toque seco, deixou meu rosto um quiabo! Fica aí a dica! Beijos!

Anônimo disse...

After getting more than 10000 visitors/day to my website I thought your madamelight.blogspot.com website also need unstoppable flow of traffic...

Use this BRAND NEW software and get all the traffic for your website you will ever need ...

= = > > http://get-massive-autopilot-traffic.com

In testing phase it generated 867,981 visitors and $540,340.

Then another $86,299.13 in 90 days to be exact. That's $958.88 a
day!!

And all it took was 10 minutes to set up and run.

But how does it work??

You just configure the system, click the mouse button a few
times, activate the software, copy and paste a few links and
you're done!!

Click the link BELOW as you're about to witness a software that
could be a MAJOR turning point to your success.

= = > > http://get-massive-autopilot-traffic.com