quinta-feira, 22 de abril de 2010

Questionário

Questionário da Meyka - Diário da Mey.

Meninas, copiem aqui e respondam, caso queiram:

1 - Nome / Idade / Cidade / Estado onde mora

Lu / 36 anos / Limeira / SP

2 - Altura / Peso atual / Meta final

1.62 / 78 kg / 65 kg

3 - Maior peso / Menor Peso

80 kg / 65 kg

4 - Motivos que a fez engordar ?

Nunca fui magra. Sempre superei aquela tabela de peso x altura x idade. Tenho ossatura grande, jamais seria mignon. Mas disparei de peso há cerca de dois anos, creio que por dois motivos: almoçar na empresa, onde exagerei nas porções. E por quase não cozinhar em casa, acabo comendo tudo que é rápido e pronto (e que geralmente não são nada lights)

5 - Usa ou já fez uso de medicamentos para emagrecer ?

Sim e nunca consegui nenhum resultado. O último foi a famosa sibutramina, que me tirava completamente o sono, menos a fome/saciedade. Prometi a mim mesma que nunca mais vou atrás disso, e nunca mais fui mesmo.

6 - Qual tipo de dieta faz hoje ??

A que mais deu certo pra mim foi a dieta dos pontos. Ficar anotando tudo o que se come não é tão agradável, mas é seguro pq vc toma rédea da situação, não se engana.

7 - Já fez dieta da moda ou malucas ?

Não.

8- Faz algum tipo de atividade fisica ?

Infelizmente não. Não gostar de exercícios é uma das minhas grandes frustrações.

9- Qual sua maior dificuldade para seguir uma alimentação equilibrada ?

Adorar pão, arroz, carboidratos em geral. E tb por não gostar mto de cozinhar...

10 - Faz acompanhamento com algum profissional ( nutricionista, endócrinologista, psicólogo) ?

Já fui em endócrinos, e não gostei pq eles dão uma listinha de cardápios padronizadas, que não respeitam a individualidade de ninguém.
Será que preciso avisar que somos únicos, com preferências, gostos, estilo de vida?
O último que fui foi super irônico. Ficava o tempo todo se abanando com uma revista, cuja fotografia que ficava virada pro meu lado era de uma mulher imensa (ele faz isso com todas que vão lá, já me informei). Isso entre outras coisas, como me interromper o tempo todo. Qud eu falei que comia pão com maionese, ele disse “vc quis dizer pão com óleo?”.
Não me conformo que uma pessoa esclarecida, que estuda para cuidar de seres humanos, tenha tanta falta de tato e sensibilidade. Qud a gente chega ao ponto de procurar ajuda, é pq a auto-estima está nas profundezas e a nossa imagem não nos satisfaz mais. Esse tipo de “brincadeira” pode ser legal pra ele, que ganha enquanto se diverte. Acho que ele nunca tentou pensar como seria se ele fosse o paciente e encontrasse um médico como ele.

Já fui em nutri tb, mas ela queria que eu comesse 5 frutas por dia, granola, cortar pão branco pra sempre e não abria mão de tudo isso. Isso é lindo e perfeito na teoria, mas eu não consigo fazer algo tão radical assim. E se eu conseguisse, não precisaria ir numa nutri.

11 - Emagrecer para você significa :

Libertação.

1 comentários:

Nani disse...

Lu, fiquei super feliz com seu comentário! Estava com medo de ser mal interpretada, mas vejo que fui muito bem recebida!!

Adorei seu post de hoje, uma auto-avaliação sempre ajuda mesmo!

Eu também não consigo restringir meu cardápio. Não gosto de ficar pensando para fazer substituições nem nada do tipo... E acho um absurdo a existência desse tipo de profissional. Pode ter certeza de que ele está ali preparado para receitar, receitar e não ajudar... Se está tudo bem com hormônios, tireóide, etc., o problema deve mesmo ser alimentação + exercício físico. Já tentou fazer aula de dança, natação ou algum esporte ou luta ao invés de malhar? Ou caminhar mesmo? Tenta amiga, acho que você encontra alguma coisa que te agrade =D

Beijos!!